quarta-feira, 1 de julho de 2009

Jacko e o Rock and Roll




O que era um breve comentário num fórum pode se transformar num assunto de discussão mais profunda.

Qual a importância de Michael Jackson na história do rock and roll e suas vertentes?

Pra mim nenhuma. É inegável o império e a fama que ele construiu no mundo pop, no show business. Mas para música rock, nada acrescentou ou diminui. É outro universo. Suas parcerias com Eddie Van Halen e Paul Mc Cartney por exemplo não passaram de inserções de artistas rock no oceano da música pop.
Evidentemente que a notícia sobre sua morte causou um verdadeiro pandemônio em todos os meios de comunicação, a ponto de ser mais focada que a do o acidente do avião que caiu no Iêmen.

As polêmicas notícias de sua vida, supostas homossexualidade e pedofilia, vitiligo, clareamento de pele, paternidade falsa, falsos casamentos, falências, foram muito mais devoradas pela mídia do que seus discos e sua música.
Claro que no mundo da música muito vai da opinião de cada um. Para os fãs uma perda lastimável, um ídolo único. Para a mídia o "rei do pop".
Canso de ver em sites, nomes fortes do rock homenageando e lamentando sua morte.

Mas como postei no twitter, Luiz Gonzaga, Frank Sinatra e John Lennon foram mais relevantes para o universo da música popular mundial do que Jacko.

Pro universo rock and roll então, nem preciso falar de relevância sobre isso.

Agora eu pergunto, Madonna teve ou tem o mesmo status no mundo pop. Se morresse, teria também impacto no universo rock and roll?

Por mais que muitos dizem que música é música, é preciso separar sim os estilos. Cada um pode gostar do que quiser. Um músico de Death Metal pode adorar qualquer ídolo pop. Música é sentimento.

Se falarmos de Elvis, Chuck Berry, Bill Haley, Jimi Hendrix, Joplin, Freddie Mercury, Cliff Burton, e muitos outros que se foram, a história é muito outra. Foram personalidades influentes, percurssoras, que moldaram estilos que hoje fazem parte do rock nas útlimas décadas.

O portal Terra profetizara que Jacko faria nos próximos meses a maior turnê da história do rock.
Mesmo que essa denominação não seja tão importante, pessoas como eu que vive o universo rock and roll há quase 3 décadas, se incomodam com essa associação.

40 comentários:

Flavia Tavares disse...

Não tem q se misturar as coisas. Mas, que Michael Jackson foi genial e espetacular isso foi. Só não foi mais porque a nossa sociedade opressora cortou as asas dele. E em plena campanha encabeçada por ele "Vamos salvar o mundo".
Não acredito nas difamações sobre pedofilia pq os proprios envolvidos negaram depois e tinha muita,muita grana envolvida.
Não dá pra comparar M.J com ninguém q vc mencionou. Aliás, detesto comparações.
bjs

Flávia Romanelli disse...

Muito bacana seu blog, gostei e virarei assíduo frequentadora. Obrigada pela visita.

Abraço

Nattércia Damasceno disse...

Asim com a Flávia, tabé acho que MJ foi genial.
E sim, quando a Madonna morrer vai ser o mesmo 'auê'.

jverdi disse...

Oi pessoal

Bem antes que ocorra mais confusão, queria apenas dizer que acho também que Jacko foi genial, um belo artista, mas no estilo que se propôs a fazer. O artigo propõe não assimilar tudo como sendo rock and roll. Apenas isso.
E também não gosto de comparações. Os nomes citados são pra exemplificar personagens que possam ter sido mais influentes para o estilo.

Mas continuo a pensar que a mídia explorou muito mais as polêmicas de sua vida do que sua arte em si.

Lu disse...

Muito bacana seu blog. Ponderações interessantes você faz aqui. Gostei muito da sobre os 'Atos secretos'. Esse tipo de discussão só enriquece nosso dia-a-dia. Sobre o Michael Jackson, também não acho que ele tenha feito rock'n roll propriamente dito, mas é inegável que tenha sido um ícone da música pop internacional, né? Tudo é questão de opinião e acho que quanto mais opiniões, ainda que diferentes, melhor! Parabéns pelo blog! Abraço!

Lise Crippa disse...

Bem legal o teu blog!!!!!Vou passar por aqui sempre!!
Beijos,
Lise Crippa

Priscila Rôde disse...

Reconheço Mj, mas tenho certeza que ele não é o único tão genial. A diferença é que muitos são desconhecidos, valores semlhantes aos semelhantes!

Fabíola Lara disse...

Muito bacana seu blog.
Aproveite e passe no meu tb:
www.fabilara.blogspot.com

Abraços

Barbara disse...

Júlio, sou do tempo dos Beatles e quase morri de tristeza com a morte de John Lennon, e sabemos que para a sua época ele foi O cara! O Jacko - de quem eu nem era tão fã assim, mas admirava seu trabalho - foi importante para as novas gerações e para o mundo pop, sem dúvida. Cada geração tem o seu ídolo, e MJ foi o de várias. Abraços e parabéns pelo blog

Sandra disse...

Este eh um tema que vai render muita discussao em todo o mundo. Obrigada pela visita.

Beijos

Sandra

Murmúrio do Vento disse...

acho, na minha humilde opinião que MJ foi um ícone no mundo pop. As acusações de pedofilia e homossexualismo no meu ver não passaram de simples extorsão de dinheiro.Paternidade? E dai?E se ele não era o pai biológico? o que tem demais? e se ele fosse esteril e quisesse filhos? o grande mal do mundo é se preocupar em demasia com a vida alheia e julgar demais tb. Mas esse é um topico muito bom para ser discutido. Parabens.

Flavia Tavares disse...

Concordo com o q vc diz sobre a mídia. E principalmente quando O MJ resolveu encabeçar a corrente "salve o mundo" q começou a exploração sobre todas as polêmicas abafando o genio da arte q ele era.
Conclusão, o cara se meteu com política e se deu mal.
Ele era um artista pop não só na música como na dança e tudo o mais. Nada a ver com Rock realmente, como vc falou.

Stella disse...

Assim, ele era o "Rei do Pop". Acho que ninguém nunca teve a pretensão de dizer que ele era do rock ou qualquer coisa assim. Se disseram, foi uma afirmação bem infeliz.
E assim, eu já nem sei mais o que falar sobre ele. Acho melhor deixar pra lá. Deixa o cara morrer em paz, né?

Beijo

Cati Carpes disse...

Bem bacana seu blog =)
Concordo com você. Michael era um grande artista - ao meu ver - mas para a cena pop.
Dentro do pop ele inovou em videoclipes, músicas, coreografias, shows...
E certamente nesse estilo ele foi uma grande influência.

me adiciona no twitter/ccarpes

Polyana disse...

Muito bom seu blog, gostei.
Obrigada pela visita.

Abraços

Ana disse...

Boa tarde Júlio,
Achei seu blog muito interessante e já estava devorando seus textos e os comentários polêmicos...rs

Obrigada por me convidar, Estarei sempre aqui...

Bjokas!

Ivy disse...

Valeu pela visitinha, Júlio e parabéns pelo blog. Muitas discussões interessantes acontecendo por aqui. bacana mesmo.
Keep up the good work!
Até mais
Ivy

Camila Paulos disse...

Acho que todos tiveram sua contribuição no cenário musical: do saudoso Luiz Gonzaga a Jhon Lennon. E, sinceramente, meus ouvidos preferem Jhon, Paul, Freddie Mercury, Luiz Gonzaga e Cartola do que o Michael. Mas é gosto, todos tiveram sua importância e devem ser respeitados!

Karina Mota disse...

ok grata pela visita e já estou seguindo o seu blog, que opr sinal é muito legal. Abs. =D

Karenina disse...

Desses, para mim, Lennon foi e sempre será o maior... abraços!

Iêda disse...

Legal seu blog. Gostei dos textos.
Ah! E obrigada pela visita no Vida Bailarina.
beijo

Calheira disse...

Achou que MJ foi uma pessoa que evocou fortemente certas qualidades ou características imprescindíveis para o POP, mas o mais representativo dele para grande parte da impressa foram suas histórias “fatídicas”. Nunca gostei muito de suas músicas, mas sempre concordei com a idéia de que ele foi um divisor de etapas no POP o que havia antes de seu sucesso não passa perto do que se tornou o POP depois do sucesso de MJ. Com sua dança, seu jeito de cantar e suas letras, ele teve poder pra fazer muito pelo mundo, a campanha pra ajudar a África dentre outras é uma amostra de que ele pensava em fazer algo pra que o mudo melhorasse e até depois de morto ele não deixou de fazer, já que deixou 20% de sua fortuna para caridade.
Ele podia ser excêntrico o quanto quisesse no seu mundo POP, mas não fez muito pelo Rock ou qualquer outro ritmo porque seu foco era o pop e suas vertentes, e pronto.

bjs!

Marta disse...

Passei por cá e gostei muito. Voltarei com toda a certeza.
Obrigada pelo convite

Lois Lane disse...

Desculpe, mas discordo de você em vários aspectos
O som produzido pelo MJ sofreu transformações ao longo da carreira. Passou do Black para o disco, para o pop e na sequência para o pop rock sim, basta ouvir com cuidado as pegadas de smooth criminal e beat it para sacar. Na verdade o MJ foi muito influenciado pelo rock desde a década de 80, e não o contrário como as pessoas tem afirmado por aí. Está havendo uma grande confusão...
Não acho que quando os veículos de imprensa noticiam que o MJ ‘faria a maior turnê de rock de todos os tempos’ eles estão mentindo, só que, como é sabido por você, o rock passeia por várias vertentes, e o pop rock é uma delas. E isso o MJ fazia muito bem! O curioso é que as parcerias dele com roqueiros deram origem às músicas com menor influência de rock do astro...
Quanto às notícias de pedofilia, homossexualismo e demais, deixemos isso para o pessoal que passam quatro anos na faculdade (ou não) estudando para alimentar a imprensa especializada na desgraça das celebridades, quando há tantas outras coisas mais interessantes e importantes a serem noticiadas, até mesmo sobre os famosos. Você verá que muitos veículos viverão os próximos meses de pautas negativas referentes ao MJ. Há público para tudo...
Não acredito que Luiz Gonzaga, Frank Sinatra e John Lennon foram mais relevantes para o universo da música popular mundial do que Jacko, penso que cada um deles teve a sua fatia do bolo.
Se a Madonna morrer ela não terá impacto no mundo do rock porque na música dela essa influência é quase nula, diferentemente do caso do MJ.
Não dá para colocarmos no mesmo patamar Jacko, Elvis, Chuck Berry, Bill Haley, Jimi Hendrix, Joplin, Freddie Mercury, Cliff Burton simplesmente porque eles são representantes de movimentos diferentes, mas isso não quer dizer que não possa haver influência de uns em outros.

Convido-o para palpitar no meu blog também!

http://bonitinhamasnadaordinaria.blogspot.com

Monique Andrade disse...

Aceitei o convite e vim conferir o seu blog. Gostei bastante dos posts.

Tenho uma opinião diferente da sua em vários aspectos, mas como fui criada ao som de Michael Jackson isso pode explicar algumas divergências.

Para mim, mais do que o chamado "Rei do Pop", ele revolucionou os clips e o rock mundial.

Abraços!

jverdi disse...

Pessoal

Agradeço muito mesmo os comentários. Respeito todas as opiniões e sei que as visões sobre música e arte em geral são diferentes. Por isso é tão instigante comentar e trocar opiniões sobre isso.
A intenção do artigo é apenas mostrar minha visão de onde se colocou Jacko no panorama musical.
Só pra detalhar: a música Beat It é pra mim a maior incursão de MJ na música rock.
Também pudera, as guitarras ficaram a cargo de ninguém menos do que Mr. Eddie Van Halen. rssssss
Abração a todo mundo e obrigado mais uma vez por prestigiar este espaço.

Diu Mota disse...

Peguei num programa de tv que um dos garotos supostamente abusados por MJ teria se retratado e negado a versão do seu pai na época por crise na consciência, admitindo que foi tudo mentira em uma rede de notícias. Como estou prestes a dormir não quero confirmar a veracidade da informação.

Os argumentos são infinitos, mas a vida e obra de MJ é no mínimo brilhante...

Ailurophile disse...

MJ was more of a celebrity I think than a great impact on music itself. Still a sad loss, as was that of the plane crash. Nice blog by the way.

jverdi disse...

Let me play in english a little

I agree with you.....
Jcho always will be a gret idol...
I think he was a "King of Pop", lige the great media keep stay him that...

But, I keep think, Jacko is a Top Of Pop, but the real Rock and Roll is another history, or, how can We brazilian use to be say, is another "beach"..

Élly disse...

Obrigada mesmo pelo convite!
Adorei ler tudo q disse aqui!

Madonna é um tanto falsa nesse lance da morte do Michael.
Nunca fizeram um dueto, nunca foram amigos de verdade. Pq amigos ajudam um ao outro, enfrentam dificuldades.
Essa homenagem de ontem a noite, me parece algo somente por obrigação. Já que ela talvez participasse destes shows do MJ.
Ele pra mim sempre foi uma grande influência para gosto musical.

ah e que tal a gente descobrir mais músicos q trabalharam nos álbuns do MJ?
Eu sou curiosa pra saber...

Beijos
Élly
http://fernandalimaguria.blogspot.com

Érika Pereira disse...

Legal seu blog.
Concordou que para o Rock ele nada acrescentou, mas não há como negar que foi um grande ídolo pop. E o próprio nome já diz, do POP.
att

Carla disse...

cada um pensa e diz o que quer, só que Michel quebrou uma serie de tabu... edeixou sua marca na historia..inspirou uma serie de bandas novas " não boas" mas em fim, foi um icone

Célia Porto disse...

Michael Jackson nasceu pronto, se cantasse Jazz, Baião, Forró, Rock, Bleus, seria fenomenal reconhecido pelo talento e facilidade nata que tinha em cantar e demonstrar com o corpo, a que veio ao mundo. Vítima do racismo e precoceito norte americano (assim como Billie Rolliday, James Bronw...). Pelo feito musical, tiro o chapéu, as questões pessoais, assim como outros tantos que você mesmo cita, não entro no mérito. Não sei se quem morre de overdose aos 27 anos pode ser considerado modelo, ou ter tido relevência em algum momento musical, é mais uma estrela cadente, também vítima de um momento. Talvez para o Rock Roll seja equívocada a manifestação da mídia, mas para o Hip Hop, Funk, Break, a Dança de Rua, Michael Jackson deixou grande contribuição. Dono de uma voz perfeitamente colocada (como chamamos voz de cabeça), tem grande riqueza melódica em suas composições, jamais perdia o tempo (aqui obsevando sua capacidade rítmica), e um bailarino especial. Aqui deixo meu olhar pelo lado musical mesmo, de quem estuda música, trabalha com música.

Guy disse...

Colocar Michael Jackson em meio à discussão sobre rock sempre foi um erro.

E, sobretudo, se o merito de um artista fosse medido unicamente pelo "legado" que ele deixa para o "universo nmusical", este texto seria pertinente. Mas creio que não é assim que se faz esse julgamento.

Célia Porto disse...

In English, I ask: What is the true Rock and Roll ... Is Raul Seixas, will be Kiss, Led Zeppelin is, Cazuza, Cartola, Barão Vermelho, Jim Rendrix, Chico Sience, Renato Russo, Beatles, Mutantes, Caetano singing Billie Jean, Jamiroquai ... Rock and Roll is music ...

Lucy in the Sky with Diamounds disse...

Penso que Michael Jackson tornar-se-á uma lenda, assim como Elvis.
Creio que o que tenha levado à óbito, tenham sido os medicamentos (ditos analgésicos) que ele usara para dormir - acho que ele tomava algum opiáceo. Tais, são extremamente perigosos!

Bjos

jverdi disse...

Célia

Concordo com você rock and roll é música. E uma das mais complexas já estabelecidas. Por isso não é limitada e gera conceitos e contextos distintos. O post em questão não trata de rock especificamente, nem contesta a genialidade de Michael Jackson, mas sim a generilização da mídia em na minha visão citá-lo ou ligá-lo a um estilo que considero bem longe do seu. Apenas isso......
Na minha visão evidentemente.

Grande beijo e obrigado pela visita.

Cristiane por Cristiane disse...

Oi, Verdi, concordo totalmente com vc em relação à associação de M.J com o rock. Ele era um artista pop, mas não podemos negar que ele criou um estilo novo e marcou a nossa geração,assim como Elvis marcou a dos nossos pais...sobre a Madonna, provavelmente, se ela morresse hoje teria o mesmo impacto sim. bjo,

Andrielle disse...

Concordo em tudo com o q disse julio! as vezes fico imaginando... deram tanta importância para a morte de M.J q penso, se ele era o rei do pop como muitos dizem e ganhou essa fama toda, muito mais do q qndo era vivo, o q sera de Madona, a rainha do pop? E do REI ROBERTO CARLOS? E do do PELÉ o REI do futebol? sera q esses ícones levarão tanta importância qndo morrerem? fica aki minha dúvida.
Julio, seu blog como sempre está MARAVILHOSO, REI DAS LETRAS!! KKKKK
bjux!

ELAINE ( JEAN GRAY) disse...

PRA MIM ESSE CARA JÁ MORREU FAZ MAIS DE VINTE ANOS E SÓ AGORA SE DERAM CONTA DISSO RSRS....